Comunicar pode ser fácil... Se no tempo que a vida nos permite procurarmos transmitir o essencial, desvalorizar o acessório e contribuir, num segundo que seja, para que a mensagem se assuma como tal e não como um universo de segredos...

10
Dez 07
Pois... Fez bem o Público ao reconhecer o erro... Contudo, se lermos bem o "pedido de desculpa" do jornal percebemos que, afinal, não houve um erro... Ou seja, se tivessem escrito que aquele resultado era fruto de uma sondagem e não a expressão real do voto popular estaria tudo bem... Tem piada... E ninguém reparou nisso?... Mais: faz algum sentido fazer uma primeita página sobre uma noite eleitoral - ainda por fechar - sem esperar pelo fecho da contagem? A verdade é que o erro foi maior do que se podia supor:primeiro ignora-se o resultado final da contagem; depois assume a sondagem como resultados; dá-se honras de primeira página ao tema e esquece-se de informar que a conclusão tirada pelo jornal é baseada numa sondagem... Bem, se calhar a culpa foi daqueles que votaram contra o Chaves...

*astrisco*
publicado por Marco Freitas às 11:31

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.


Dezembro 2007
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9
11
15

16
17
18
19
20
22

23
24
25
26
27
28
29

30
31


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

subscrever feeds
Sobre mim e autores
pesquisar
 
links
blogs SAPO