Comunicar pode ser fácil... Se no tempo que a vida nos permite procurarmos transmitir o essencial, desvalorizar o acessório e contribuir, num segundo que seja, para que a mensagem se assuma como tal e não como um universo de segredos...

21
Nov 08
1-535-1.jpg

Os concursos para a Televisão Digital Terrestre (TDT) já iniciaram. De acordo com a lei da televisão vão decorrer dois concursos públicos: um referente aos canais pagos e outro aos de sinal aberto.

O primeiro vai atribuir duas licenças: uma de telecomunicações e outra de conteúdos.

Os concorrentes têm cinco multiplexers à escolha: dois de âmbito nacional e três de âmbito regional, o que neste caso corresponde a um mínimo de 30 e um máximo de 50 canais no total. Destes entre 12 e 20 serão de âmbito nacional.

O segundo é lançado pela Autoridade Nacional das Comunicações (Anacom). Este é dirigido a empresas que queiram gerir a plataforma dos canais não pagos.

Até agora já se mostraram interessados neste concurso a Media Capital, a Portugal Telecom, a PT Multimédia e a Visabeira.

Os portadores da licença para canais pagos vão ter de cobrir 75% da população em três anos e meio. Já os portadores de licença para canais gratuitos vão ter de cobrir 99% da população em três anos.

No entanto, estes últimos poderão recorrer a outros meios como o satélite, por exemplo, para 14% da população.

As regras foram publicadas no "Diário da República", após a portaria ter sido assinada pelos ministros dos Assuntos Parlamentares e das Obras Públicas.

Quem estiver interessado tem um prazo de 40 dias para entregar as propostas, sendo que o prazo termina a 22 de Abril.

Quanto ao quinto canal gratuito anunciado, o Governo tem um prazo de 180 dias para lançar o concurso.
publicado por Marco Freitas às 18:09

Segundo o estudo Media Content Survey 2008, da Accenture, o mercado tem ganho um peso crescente junto das empresas, e estas acreditam nas mais valias que dele pode advir.

Os meios mais bem cotados junto dos inquiridos são a distribuição multi-plataforma, os vídeos de curta duração, os social media e conteúdos gerados pelo utilizador, e a publicidade digital.

Para 66% dos inquiridos, esta será uma das razões de crescimento do sector, sendo que o conteúdos que irão gerar maior crescimento serão as curtas-metragens de vídeo (38%), a imprensa on-line (23%) e os jogos de vídeo (18%).

Já no que se refere aos modelos de negócio, 56% dos inquiridos afirma estar envolvido com os social media e conteúdos gerados pelo utilizador. O modelo de negócio alicerçado em publicidade será, na opinião das empresas, o modelo número um dos próximos cinco anos.

No que se refere à relação entre publicidade tradicional e digital, 52% dos inquiridos acredita que, num espaço de cinco anos, a primeira será ultrapassada pela digital.

Também no mesmo espaço de tempo, 62% acreditam que os conteúdos serão suportados por uma grande variedade de veículos de publicidade digital.
publicado por Marco Freitas às 12:41

noticias.jpg

Los domingos pueden ser diferentes. Pues sí, porque a veces corren el peligro de llegar a ser hasta rutinarios. Eso es lo que han debido pensar en el Centro Comercial Maremagnum de Barcelona.

Me da cuenta de la noticia Gemma Martínez, la responsable de Comunicación de la empresa. Me gusta la idea porque es participativa, tanto por el blog, como por la referencia en la web.

Se trata básicamente de un concurso de vídeos en el que la gente expone qué hacer un domingo cualquiera para disfrutarlo. Sencillo y llamando a la participación. Es lo suyo.

Por otro lado, Juan Manuel Domínguez, compañero en Canal Sur, ha abierto su blog. Se llama ‘Cajón de sastre’. Y en él habla de las cosas que le ocupan y le gustan: el Periodismo, la radio, la televisión, deportes, ONGs... La confluencia de estos temas, hacen del blog de Juanma un lugar hecho a su medida, para sentirse cómodo y dar cuenta de aquellas cosas que le interesan.
publicado por Marco Freitas às 09:47

Novembro 2008
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9
11
14
15

16
22

23
25
29



Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

subscrever feeds
Sobre mim e autores
pesquisar
 
links
blogs SAPO