Comunicar pode ser fácil... Se no tempo que a vida nos permite procurarmos transmitir o essencial, desvalorizar o acessório e contribuir, num segundo que seja, para que a mensagem se assuma como tal e não como um universo de segredos...

23
Jan 08
Temos assistido recentemente ao lançamento na internet de projectos ligados ao audiovisual, nomeadamente, à televisão. Recentemente foi lançada uma televisão on-line para o Norte. Esta região, facilmente “abafada” pela área metropolitana do Porto, tem sido frequentemente esquecida. Há valores para afirmar na região Norte. Esta região tem de marcar posição com projectos credíveis, sólidos e viáveis, nomeadamente na comunicação social. Só desta forma o Norte poderá ter voz activa, contrariando a “ditadura” imposta pelas televisões nacionais. Temos de marcar a diferença.
Este alerta vai também para os autarcas, no sentido de unir esforços na concretização de um projecto aglutinador dos interesses de cada região que integram os distritos de Braga e Viana do Castelo. No campo da comunicação social, nomeadamente na televisão, as querelas partidárias têm de ficar à margem de todo este processo, têm de ser acauteladas as necessárias verbas financeiras para dar credibilidade e andamento a projectos que projectem o Norte pelo resto do país, incluindo as ilhas e, quiçá, a Galiza. Esta última já tem em marcha a criação de mecanismos para a recepção de canais portugueses. Temos de aproveitar estas aberturas para uma maior projecção do Norte além fronteiras.
A era multimédia está à nossa frente, não a podemos ignorar. Os recursos por ela apresentados são quase ilimitados. Os conteúdos programáticos que podem ser gerados são uma mais-valia para uma região que ainda tem muito para oferecer ao país e a quem nos visita. A projecção imediata é benéfica para a imagem do Norte, aquém e além fronteiras. Basta pôr os projectos nos carris certos e a marcha torna-se imparável. Não podemos perder este comboio, é demasiado importante para ficarmos apeados. O Norte precisa de embarcar no TGV da televisão on-line. Cada vez mais. É o futuro. Temos a obrigação de colocar o Norte na agenda mediática nacional. Chega de receber instruções. Temos activos e capacidade para nos afirmarmos sozinhos.

Jorge Paraíso

Braga, 22 de Janeiro 2008
publicado por Marco Freitas às 10:29

Janeiro 2008
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9
12

13
14
15
17
18
19

20
22
24
25
26

27
28
30
31


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

subscrever feeds
Sobre mim e autores
pesquisar
 
links
blogs SAPO