Comunicar pode ser fácil... Se no tempo que a vida nos permite procurarmos transmitir o essencial, desvalorizar o acessório e contribuir, num segundo que seja, para que a mensagem se assuma como tal e não como um universo de segredos...

20
Nov 08
nujlogo_burgundy.gif

As equipas dos jornais britânicos “Independent” e “Independent on Sunday” vão sofrer um corte de 90 postos de trabalho, a maioria dos quais na parte editorial, anunciou a empresa na manhã de 18 de Novembro.

Classificando o anúncio como “um grande choque”, o Sindicato Nacional de Jornalistas britânico (NUJ) marcou uma reunião com a empresa para dia 20, frisando que esta notícia não facilita eventuais negociações sobre uma reestruturação dos títulos, dadas as incertezas que levanta sobre o seu futuro.

“Precisamos de ter garantias claras de que não haverá despedimentos compulsivos. Também vamos analisar os planos da administração para assegurar a saúde e segurança da equipa que permanecer no jornal.

Se já hoje há queixas sobre o excesso de trabalho, tentar produzir jornais de qualidade com três quartos do staff aumentará o stress relacionado com o trabalho”, afirmou o sindicato, frisando que irá relembrar à empresa as suas responsabilidades na protecção dos trabalhadores
publicado por Marco Freitas às 17:19

Novembro 2008
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9
11
14
15

16
22

23
25
29



Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Sobre mim e autores
pesquisar
 
links
blogs SAPO