Comunicar pode ser fácil... Se no tempo que a vida nos permite procurarmos transmitir o essencial, desvalorizar o acessório e contribuir, num segundo que seja, para que a mensagem se assuma como tal e não como um universo de segredos...

13
Nov 09

No âmbito das comemorações do 130.º Aniversário do Jornal A Voz do Operário realiza-se, no dia 21 de Novembro, uma Conferência sobre Imprensa Operária e Associativa aberta à participação de todos os interessados.

  

Para debater os três temas do encontro foram convidados vários especialistas como Mirian Halpern Pereira, professora universitária, que se debruçará sobre “A imprensa operária na luta dos trabalhadores no século XIX”, António Ventura, professor universitário, que abordará a “Imprensa operária na passagem do século XIX para o século XX”, Eugénio Rosa, economista, que tratará a “Situação actual da imprensa operária e dos trabalhadores”, Libério Domingues, coordenador da União de Sindicatos de Lisboa, que reflectirá sobre “A informação na luta dos trabalhadores”, Augusuto Flor, presidente da Confederação Portuguesa das Colectividades de Cultura, Recreio e Desporto, que fará uma intervenção sobre “A comunicação no associativismo cultural, desportivo e recreativo” e Mário Branco, jornalista, que fechará o painel sobre “Imprensa operária, mutualista e associativa – história, actividade e realidade actual” com o tema “A imprensa mutualista”.

 

O segundo tema da conferência, “Desafios dos novos meios de comunicação digital (internet) na luta dos trabalhadores no século XXI”, terá como oradores Manuel Carvalho da Silva, secretário-geral da CGTP-IN, sobre “Situação e desafios para o futuro – a comunicação e a intervenção na luta dos trabalhadores”, José Rebelo, jornalista e professor universitário, com a abordagem “Dos média tradicionais aos novos média”, Nuno David, professor universitário, sobre “Potencialidades dos novos média” e António Vilarigues, técnico de sistemas de comunicação, sobre o “Papel dos novos meios de comunicação digital”.

 

No terceiro tema da conferência, “Comunicação social no País – liberdade de expressão, concentração e controlo governamental e financeiro” haverá reflexões sobre “Jornalismo e luta de classes” por Fernando Correia, jornalista e professor universitário, “Situação profissional e problemas no exercício da profissão de jornalista” por Alfredo Maia, presidente do Sindicato dos Jornalistas e “O caso da televisão” por Paquete de Oliveira, professor universitário e provedor do telespectador.

 

Para participar na Conferência, cujos trabalhos se iniciam às 10 horas, foram igualmente convidados jornais e sítios na internet de sindicatos, jornais operários, colectividades de cultura, desporto e recreio, cooperativas, universidades e instituições interessadas.

 

Com entrada livre, a Conferência está aberta à participação de todos os interessados.

publicado por paradiselost às 16:01

Novembro 2009
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9
14

15
19
21

24
25
26
27
28

29
30


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Sobre mim e autores
pesquisar
 
links
blogs SAPO