Comunicar pode ser fácil... Se no tempo que a vida nos permite procurarmos transmitir o essencial, desvalorizar o acessório e contribuir, num segundo que seja, para que a mensagem se assuma como tal e não como um universo de segredos...

03
Dez 08
Jornais.gif

O segmento de imprensa diária portuguesa deverá gerar receitas de 237 milhões de euros em 2012.

A estimativa é avançada pela PricewaterhouseCoopers (PwC) no estudo “Global Entertainment and Media Outlook: 2008-2012” e, a confirmar-se, representará uma taxa anual de crescimento de 0,9% nos proveitos globais deste mercado.

De acordo com os números avançados no estudo, este crescimento será suportado pela evolução das receitas publicitárias, que deverá crescer a uma média anual de 3%, para valores totais na ordem dos 117 milhões de euros em 2012.

Nas edições impressas, a PwC estima que a publicidade cresça 1,9% até 2012, para mais de 99 milhões de euros.

No suporte online, as receitas comerciais dos jornais diários deverão duplicar e atingir valores próximos dos 10 milhões de euros.

Em contraponto, as receitas geradas pela venda em banca e pelas assinaturas deverão recuar 0,9% até 2012, atingindo os 120 milhões de euros.

Uma quebra de 5 milhões face às receitas de circulação previstas para 2008, justificada pela tendência de quebra de vendas que a imprensa diária vem apresentando e que deverá atingir os 2,4% até 2012
publicado por Marco Freitas às 12:34

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.


Dezembro 2008
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6

7
8
9
13

14
15
18
20

21
22
24
25
26
27

29
30
31


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

subscrever feeds
Sobre mim e autores
pesquisar
 
links
blogs SAPO