Comunicar pode ser fácil... Se no tempo que a vida nos permite procurarmos transmitir o essencial, desvalorizar o acessório e contribuir, num segundo que seja, para que a mensagem se assuma como tal e não como um universo de segredos...

29
Nov 07

- A Impresa vai investir 11 milhões de euros nas áreas da televisão, na imprensa digital e da internet.


- O Público, no dia 1 de Dezembro, publica uma revista especial Natal, com as tendências para a época... Novos tempos...


- A criação do primeiro banco de imagens, a nível internacional, do gratuito Metro está a ser dirigida pela direcção de marketing do Metro Portugal.


Estas e outras novidades no http://www.meiosepublicidade.pt/

publicado por Marco Freitas às 15:02

24
Nov 07
Soube-se que muito provavelmente o Jornal da Madeira irá tornar-se num jornal gratuito. A ideia parece arrojada... Contudo, para ser concorrencial e competitivo, é preciso muito mais do que facilitar o acesso do leitores aos seus conteúdos. Este novo projecto para o Jornal da Madeira só será válido e provará a sua viabilidade se garantir, antes de mais os postos de trabalho necessários à sua melhor manutenção e, naturalmente, se assegurar uma margem financeira confortável para a sua gestão de futuro.
Em suma, para manter-se no activo e, eventualmente, fazer frente à liderança do Diário, é preciso reestruturar os seus sectores internos, uma política editorial mais arrojada, uma acção de marketing profissional e moderna... Enfim, coisas simples mas que dependem da vontade da dua administração... O segredo é começar por mudar por dentro... Boa-sorte.
publicado por Marco Freitas às 19:45

23
Nov 07
81 - Jornalistas mortos

11 - Colaboradores mortos

128 - Jornalistas presos

6 - Colaboradores presos

64 - Ciberdissidentes presos
publicado por Marco Freitas às 16:34

Francisco Pinto Balsemão defende a criação de um canal em alta definição comum aos três operadores de televisão - RTP, SIC e TVI - na fase inicial de implementação da Televisão Digital Terrestre (TDT) em Portugal. Segundo o presidente do grupo Impresa (que detém a SIC), o objectivo do canal seria "atrair" os telespectadores, sendo que na fase seguinte cada operador poderia ter o seu próprio canal. Pinto Balsemão, que falava num jantar-conferência organizado pela Associação Portuguesa para o Desenvolvimento das Comunicações (APDC), apresentou a "alta definição" como uma "solução que marca a diferença" e acrescentou que esta será, de resto, uma "matéria em que a coragem política do primeiro-ministro [José Sócrates] será posta à prova".
Ver mais: http://www.meiosepublicidade.pt
publicado por Marco Freitas às 16:29

O Tribunal Europeu dos Direito Humanos, em Estrasburgo, determinou que um tribunal holandês não deveria ter dado ordem de prisão a um jornalista, em 2000, por se ter recusado revelar a sua fonte.
O Tribunal Europeu determinou, contrariando o tribunal holandês, que a sua detenção "é uma violaão da liberdade de expressão, do direito à liberdade e à segurança". Este tribunal recusou ainda o pedido de indemnização do jornalista. (Fonte: Radio Netherlands).
publicado por Marco Freitas às 16:19

O jornal de esquerda italiano, "La Republica" publicou (dia 21/11/07) conversas telefónicas entre altos responsáveis da RAI e da MediaSet, empresa do ex-Primeiro-Ministro de Itália, Silvio Berlusconi, nas quais discutiam a melhor forma de apresentar ao público a derrota eleitoral que o então governante sofreu numas eleições locais.
Recorde-se que Berlusconi, que liderou governos de centro-direita durante cinco anos, foi frequentemente acusado de controlar a comunicação social do seu país, quer por ser dono da maior cadeia privada como deter o poder sobre o canal público como líder do Governo.
A publicação destas conversas telefónicas acrescentam mais achas para a fogueira, indiciando uma interferência clara na política editorial dos media em questão. No parlamento italiano uma proposta de reforma que torne a televisão pública mais independente do poder político vigente está bloqueada há séculos.

Portugal também tem vivido alguns casos sensíveis com os canais públicos. O actual governo tem sido pródigo nestas situações e continuamos sem verificar uma forte manifestação contra estes ataques à liberdade de expressão, tanto da parte das entidades competentes como do sindicato de jornalistas e dos jornalistas indivdualmente. Estranho. não é?
publicado por Marco Freitas às 16:12

19
Nov 07
É verdade... O título desta peça não é metafórico.
Um terceiro assalto à nossa residência desta vez rendeu um computador portátil aos denominados "amigos do alheio". Nesse estavam arquivados os próximos dados da pesquisa que estamos a realizar sobre a última campanha eleitoral regional. Por isso, lamentamos o atraso e garantimos que brevemente daremos mais dados sobre a mesma.


Reza a história que a queda dos impérios, dos partidos, das empresas e das marcas começa por dentro, pela base, pelo circulo mais interno... Aos olhos de alguns pode parecer que a Madeira continua tão segura quanto antes... Não é verdade... O alerta já foi dado e está a ser ignorado... Será que é preciso o mercado turistico internacional acusar explicamente a região para que os locais possam gozar de maior protecção? Veremos.
O *astrisco* está atento ao processo informativo relacionado com esta questão... A necessidade de manter uma imagem externa de paz e sossego não pode valer tudo. Ou seja, a verdade de que já foi mais seguro fazer turismo na Região... Ou de que já foi mais seguro viver na Região... É preciso agir já para evitar situações de crise maiores...
Daremos notícias...
o *astrisco*
publicado por Marco Freitas às 10:18

Novembro 2007
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3

4
5
6
7
8
9
10

11
12
13
14
15
16
17

18
20
21
22

25
26
27
28
30


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

subscrever feeds
Contador de Visitas
Sobre mim e autores
pesquisar
 
links
blogs SAPO